" Anunciar o Evangelho não é título de glória para mim; pelo contrário, é uma necessidade que me foi imposta. AI DE MIM SE EU NÃO ANUNCIAR O EVANGELHO. (I Cor 9,16)

sexta-feira, 8 de abril de 2011

QUEM PODE E QUEM DEVE PRATICAR A ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO?

Podem e devem praticar a adoração ao Santíssimo Sacramento todos os que acreditam na presença
real de Jesus na Santíssima Eucaristia e querem viver uma experiência de intimidade com o Senhor
ressuscitado. A adoração eucarística é um prolongamento da celebração da Missa, de tal forma, que
ficará faltando alguma coisa para quem realiza sua adoração e não participa da Missa,
especialmente aos Domingos, pois “A celebração eucarística é, com efeito, o coração do Domingo”.
Poderíamos dizer, então, que somente quem celebra o Domingo, com sua participação na
celebração da Missa, pode realmente adorar o Senhor no Santíssimo Sacramento, a não ser que se
esteja impedido, por algum motivo, de participar da celebração dominical. A adoração eucarística é
um exercício espiritual, pessoal ou comunitário, que nasce da celebração do memorial da Páscoa do
Senhor, a Santa Missa, e a este mistério o adorador deve ser conduzido. Então, podemos afirmar
que “o verdadeiro adorador é alguém que participa plenamente da Ceia do Senhor, onde recebe o
Pão da Vida e o toma do Cálice da Salvação. Ele consegue, na prece silenciosa diante da Eucaristia,
fazer passar pelo coração (recordar) as maravilhas de Deus. É alguém que ama verdadeiramente a
sua comunidade eclesial e que não recusa jamais o serviço aos irmãos e irmãs, prolongando, assim,
a Eucaristia na vida”. O verdadeiro adorador busca profeticamente construir a comunhão e a
unidade na comunidade onde vive e desenvolve sua fé. Quem pratica com devoção e humildade a
adoração ao Santíssimo Sacramento vive como os primeiros cristãos, como está registrado no livro
dos Atos dos Apóstolos, que eram assíduos à oração, com Maria, mãe de Jesus. E que “Unidos de
coração freqüentavam todos os dias o templo”(cf. At 1, 14; 2, 46).

Nenhum comentário:

Postar um comentário